"SERIEDADE E TRANSPARÊNCIA"

All posts by Neuh Sant'ana

Esclarecendo as cidadanias falsas no Piemonte

Se você está atualizado com as notícias na Itália, deve ter lido sobre o mais novo escândalo que resultou em 800 cidadanias canceladas na região do Piemonte e até a mobilização da polícia federal brasileira. Neste post vamos dar mais informações sobre esta notícia que está circulando na Itália.

A operação Super Santos

A operação “Super Santos”, como chamaram na Itália, foi a mais recente investigação feita pela polícia federal italiana que durou mais de um ano e acabou com a prisão de sete pessoas e a denúncia de um paroco. Foi descoberto que os responsáveis concluíam o processo de reconhecimento em apenas três dias. Um processo normal pode de reconhecimento na Itália pode levar mais de seis meses para ser concluído. O reconhecimento da cidadania italiana juri sanguinis envolve vários órgãos italianos e brasileiros, portanto é necessário respeitar o tempo de conclusão de cada etapa. Não bastando esta tempística milagrosa, foi descoberto também que as cidadanias italianas estavam sendo concebidas a pessoas que não tinham descendência italiana.

E como isto seria possível? Somente com a falsificação de documentos. Para ter a sua cidadania italiana reconhecida, o descendente precisa provar através de documentos que seu antepassado realmente nasceu na Itália e jamais renunciou a esta cidadania. Foi então que descobriram a participação de um paroco da Diocesi di Padova, que segundo relatos, foi convencido a falsificar uma certidão de batismo. Não se sabe mais detalhes sobre outras pessoas envolvidas na falsificação de documentos ou se o restante dos reconhecimentos tenham sido feitos somente pela influência e acordos dos responsáveis com autoridades das cidades investigadas.

Da pesquisa ao reconhecimento

O processo de reconhecimento de cidadania italiana é um processo longo. Não existe milagre! É necessário muito trabalho, dedicação, paciência, pesquisa e o mais importante: fazer todos os procedimentos legais dentro dos prazos e das leis brasileiras e italianas. Sem esquecer que o foco é o tão sonhado passaporte italiano mas que para isso precisamos percorrer uma longa estrada. Um trabalho de pesquisa de certidões por exemplo pode levar meses e até mesmo anos, e pian piano, como dizem nossos antepassados, as peças do quebra-cabeça se unem. Confiar o seu processo de cidadania a empresas sérias e com boas referências é o melhor a se fazer para que você seja reconhecido italiano como todos os descendentes tem direito por lei.

Nós da Santanna Cidadania temos orgulho do nosso trabalho que é feito com seriedade e transparência, e levamos a sério o que nos propomos a fazer: ajudar a realizar o sonho de milhares de descendentes de italianos espalhados pelo mundo.

Leia a notícia em italiano aqui!

 

 

 

Ler Mais
CIDADANIA ITALIANA

Cidadania por via materna: É POSSÍVEL!

Gostaríamos de dar uma boa notícia à aquelas pessoas que achavam que não teriam direito a cidadania por via materna: SIM, VOCÊS TEM!

Para começar, gostaríamos de explicar melhor como surgiu toda esta história. Como vocês já devem ter ouvido, os italianos são muito patriarcais, ou seja, a família gira em torno ao pai. Como exemplo podemos citar que o filho só pôde ter o sobrenome da mãe adicionado ao seu sobrenome a partir do ano passado! Antes disso o bambino carregava somente o sobrenome do pai. Porém ter ou não ter o sobrenome nada tem a ver com a transmissão da cidadania italiana, já que ela é feita pelo direito de sangue.

Um grande detalhe era que pelas leis italianas a mulher só passou a transmitir a cidadania depois de 01 de Janeiro de 1948, o que gerou uma grande confusão mas que no final das contas foi uma ótima coisa. A confusão foi a seguinte: vamos supor que a mulher tenha tido um filho em 1947 e outro em 1948. Segundo a lei, o filho de uma mulher italiana nascido em 1947 não teria direito a cidadania italiana mas o nascido em 1948 teria. Isto gerou um grande caos pois, pelo fato de serem filhos da mesma mãe, isso não fazia sentido algum. Felizmente um juiz italiano analisou todo este caso e constatou que realmente não seria justo com o primeiro filho, e depois de todo um trabalho judicial feito por um advogado especializado, concedeu a cidadania ao filho de 1947.

E assim, abriram se as portas para a transmissão de cidadania por via materna! Mas como isso funciona na prática? Este processo é bem diferente do processo normal de reconhecimento: é preciso um processo judicial que será enviado por um advogado especializado ao Tribunal Judiciário de Roma e leva em média dois anos para ser concluído. A boa notícia é que tudo é feito por procuração e portanto não exige a presença do requerente em momento algum.

Então, hora de comemorar: se este é o seu caso, entre em contato conosco! Podemos te ajudar com as dúvidas e os procedimentos para o seu reconhecimento. Nós temos como parceiros advogados especializados, com muitos casos de sucesso e a seriedade e transparência que a Sant’anna Cidadania exige de seus parceiros.

Ler Mais
contrato

ESCLARECIMENTO: a declaração do Consulado de São Paulo sobre intermediários para cidadania

O Consulado de São Paulo declarou em seu site que não reconhece “Agências despachantes” e faz um apelo para que os descendentes de italianos “desconfiem” de terceiros na preparação de documentação no processo de reconhecimento de cidadania italiana.
Durante os onze anos de trabalho com cidadania italiana, a Santanna Cidadania esteve em contato com inúmeras famílias, auxiliando em todo o processo de adequação da documentação para a realização deste sonho de ser reconhecido italiano.

Durante este tempo também muitas pessoas recorreram a nós depois de terem confiado sua documentação e seus dados pessoais à empresas não idôneas. E neste sentido, o Consulado tem razão ao fazer tal declaração, pois temos visto que muitas empresas propõem serviços na área de Cidadania italiana, mas que não são especializadas no assunto, como os despachantes por exemplo.

Não podemos esquecer que existem empresas sérias e transparentes que construíram sua reputação ajudando os descendentes com os mais variados tipos de assessoria, como nós da Santanna, que somos especializados em cidadania italiana, e acreditamos que este é o primeiro passo para um reconhecimento de sucesso: confiar em que tem experiência no assunto, não confiar seu processo a amadores.

Os depoimentos de nossos clientes são uma prova disso. Confira aqui alguns dos depoimentos de pessoas que tiveram seus sonhos realizados com a nossa ajuda. Sendo assim, fica a nosso alerta pois sim, existem empresas e pessoas não confiáveis no mercado, mas existem também empresas de confiança como a nossa. Portanto, gostaríamos de finalizar com um conselho: verifique a veracidade dos dados informados nos sites e mídias sociais sobre as empresas que estão em contato, e se possível siga sempre a recomendação de quem já contratou os serviços destas empresas.

Ler Mais

NOVAS REGRAS CIDADANIA ITALIANA POR CASAMENTO

NOVAS REGRAS CIDADANIA ITALIANA POR CASAMENTO

Nós oferecemos o serviço de preparação de documentos para inserção do pedido de CIDADANIA ITALIANA POR CASAMENTO (naturalização) através do site do Ministero dell’Interno.

Porém, com o novo decreto, para todos os pedidos apresentados a partir de 4 de dezembro de 2018, é imprescindível que o candidato a italiano, demonstre um adequado conhecimento da língua italiana (Decreto-Lei de 4 de outubro de 2018, n. 113 fez para o artigo 9 da lei 5 de fevereiro de 1992).

“Art. 9.1. – 1. A concessão da nacionalidade italiana, nos termos dos artigos 5.º e 9.º, está condicionada à posse pela parte interessada de um conhecimento adequado da língua italiana, não inferior ao nível B1 do Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas (QECR), ou seja, você tem que aprender italiano a nível intermediário 1.

No momento da apresentação do pedido, terá que ter um certificado de qualificação emitida por uma instituição de ensino pública ou equivalente reconhecida pelo Ministério da Educação, Universidade.
De posse de toda a documentação, inseriremos o pedido no site, e enviarmos para análise, nosso cliente receberá uma comunicação relativa à aceitação ou não aceitação.

O prazo para a conclusão do processo de aquisição da CIDADANIA ITALIANA POR MATRIMONIO COM CIDADÃO ITALIANO, com base no disposto nos artigos 2 e 4 da Lei de 7 de agosto de 1990, n. 241 da D.P.R. 18 de abril de 1994, n. 362 e artigo 14 do Decreto-Lei 113, de 4 de outubro de 2018, é de 48 meses.

SANTANNA CIDADANIA ITALIANA

“SERIEDADE E TRANSPARÊNCIA” HA 11 ANOS”

APRENDA ITALIANO E QUANDO TIVER O SEU CERTIFICADO ENTRE EM CONTATO CONOSCO!

Ler Mais